Filhos que gritam aprendem com pais que gritam…

By Monday, April 20, 2015 1 No tags Permalink

Ontem vi uma cena que me fez pensar sobre esse assunto. Vi uma mãe gritando com o filho, e o filho respondeu gritando também. Isso me chamou atenção de uma forma diferente e me fez lembrar de algo que estudei chamado psicologia reversa. A psicologia reversa é uma técnica criada por Dr. Freud que envolve um comportamento que se opõe ao desejado, com a expectativa de que isso convença ao que seja atualmente desejado pelo promotor da técnica; o oposto do que foi sugerido. Em outras palavras, essa técnica sugere que façamos o contrário do que seria esperado em uma situação para adquirirmos resultados diferentes.

Se seu filho grita com você, é óbvio e evidente que ele ouviu, ou melhor; aprendeu com alguém. No momento que isso acontece é normal se deixar levar pela raiva e responder da mesma forma, isto é: gritando! Mas é importante saber que a autoridade não está no volume de nossa voz; não é preciso elevar a voz para que seu filho te obedeça. Isto na verdade, ensina seu filho que é normal e aceitável gritar, então ele passará a gritar com você também.

Não é fácil manter a calma em uma situação que te deixa nervoso; você quer mostrar para seu filho quem manda e quem fala mais alto, mas isso pode estar criando um efeito contrário ao que você deseja, que é o respeito. Por isso intitulei esse texto de: “Filhos que gritam aprendem com pais que gritam”. Isso é uma verdade e todos que são pais já puderam compravar. Nós sabemos que gritar não funciona, não educa e não faz melhorar o comportamento de nossos filhos. Tente uma nova técnica, reeduque seu filho. Passe a falar com eles com calma, com um tom de voz baixo, mesmo quando ele estiver estressado e agitado. Logo você verá uma mudança no comportamento de seu filho.

Você sabe porque muitos pais gritam com os filhos? Porque é mais fácil. É mais fácil gritar do que sentar e explicar porque ele não deve se comportar daquela forma. Nos dias de hoje, pais não tem mais tempo para ensinar, conversar, explicar. É uma triste realidade, e com certeza esse é o motivo de uma juventude perdida, sem rumo, sem ensino, sem educação. Uma juventude que não recebeu amor e hoje fazem escolhas erradas. Talvez você ainda não parou para pensar o porque da nossa juventude estar tão desequilibrada hoje, mas eu te asseguro que tem tudo haver com a criação que receberam de seus pais.

Então, como fazer pra mudar esse quadro e passar a obter resultados diferentes?  A resposta é simples, mas exigirá muito de você. Pare de gritar! Pare e eduque. Desacelere um pouco, tenha mais calma com seus filhos. Separe um tempo durante o dia para estar com eles, faça algo juntos, divirtam-se. A vida passa rápido, logo seus filhos estarão crescidos e viverão suas próprias vidas fora de casa. Aproveite o tempo enquanto ainda estão todos juntos na mesma casa. Os afazeres muitas vezes tomam quase todo o nosso tempo e esquecemos que é muito importante um equilíbrio. A família deve e precisa ser uma prioridade; filhos precisam ser educados, amados, ouvidos, entendidos, e a educação dos pais é essencial.

A bíblia nos ensina: “Ensina à criança o caminho que ela deve seguir; mesmo quando envelhecer, dele não se há de afastar.” Provérbios 22: 6. No dicionário ensinar significa transmitir conhecimento, dar instruções, orientar, dar treinamento, doutrinar, explicar, instruir, formar. Com certeza educar filhos dá trabalho, não é fácil, não é simples; mas é extremamente necessário. Você colherá frutos da educação que dá à seus filhos, sendo ela boa ou má, a colheita virá. Ouça mais, ensine mais, ame mais, seja amigo de seu filho. As atitudes de seu filho são um reflexo do que você faz. Se seu filho não está se comportando como você esperava, talvez você precise cuidar melhor de como fala e age com eles. Isso lhe exigirá um esforço além do normal, mas você verá resultados. Seus filhos passarão a ouvir mais, serão mais pacientes, mais educados e você terá que corrigi-los menos. Mude seu comportamento com eles, e com seu certeza o comportamento deles mudará com você!

 

1 Comment
  • Iracy
    April 20, 2015

    É muito raro vermos os pais falando com calma e em baixo tom de voz,se os pais mudassem o modo de tratar veriam seus filhos mais calmos e comportados

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *